Escola de Fernando de Noronha fica em segundo lugar no Programa TJC sobre direitos fundamentais

Escola de Fernando de Noronha fica em segundo lugar no Programa TJC sobre direitos fundamentais

Na última sexta-feira (22), a Escola de Referência em Ensino Fundamental e Médio de Fernando de Noronha participou do programa TJC (Trabalho, Justiça e Cidadania) da Associação Nacional dos Magistrados da Justiça do Trabalho – AMATRA, ficando em segundo lugar na categoria crônicas, com os alunos do ensino médio. O evento aconteceu de forma híbrida, com a presença online de convidados do Programa.
Ao todo, participaram seis escolas na etapa final desse projeto. O Programa foi formado por três categorias: contos, crônicas e teatro. Os alunos desenvolveram trabalhos nas três modalidades com o conteúdo baseado em direitos e deveres nas áreas de trabalho, cidadania e combate ao preconceito.
“Estamos muito felizes e gratos pela participação e colocação da EREFEM nesse projeto. Foi uma excelente oportunidade de compartilhamento de conhecimentos e experiências. Nossos alunos fizeram uma linda apresentação. Estimulamos o novo para os estudantes desenvolverem o potencial que já existe neles. Isso é muito gratificante”, disse a gestora da EREFEM, Taynee Santos.
O Programa Trabalho, Justiça e Cidadania é uma iniciativa de construção de cidadania da Anamatra. Por meio do Programa, magistrados, membros do Ministério Público, advogados, professores de Direito e servidores do Judiciário propagam noções básicas de direitos fundamentais, direito do trabalho, direito da criança e do adolescente, direito do consumidor, direito penal, ética e cidadania em escolas, especialmente as públicas, de diversos estados e municípios.
Texto: Bruna Woolley

Compartilhe esta postagem


pt Português
X