Fernando de Noronha

Acontece em Noronha

21/10/2021 - Escola Arquipélago, em Fernando de Noronha, recebe nova biblioteca, novo laboratório de ciências e quadra de futebol society

Foram inaugurados, nesta quinta-feira (21), a biblioteca Cantos de Leitura e o novo Laboratório de Ciências, ambos na EREFEM Arquipélago de Fernando de Noronha, que atende 410 alunos do Ensino fundamental I, II, Ensino médio e EJA. Os projetos são fruto de uma parceria entre a Administração de Fernando de Noronha, a Rede Educare e a Ball Coorporation, e integram o movimento Noronha Pelo Planeta, que prevê uma série de ações socioeducativas na Ilha.

Esta é a segunda unidade do Cantos de Leitura na ilha, um espaço de interação e biblioteca com acervo de 1.200 novos livros – a primeira unidade foi inaugurada em novembro de 2020, na Creche Bem-Me-Quer. O projeto busca a formação de novos leitores em comunidades e criação de um espaço de socialização, fazendo dos livros uma ponte para possibilitar que os estudantes vejam o mundo de uma nova forma. No local, os estudantes terão acesso a livros de variados temas como diversidade, sustentabilidade, e 5% do acervo doado são livros em braile.

Realizado via Lei de Incentivo à Cultura da Secretaria Especial de Cultura, o Cantos de Leitura busca estimular o contato de crianças, jovens e adultos com a literatura, possibilitando o acesso gratuito da comunidade ao conhecimento. Como parte do projeto, os educadores também recebem uma capacitação que aborda os caminhos para a formação de leitores e orientações sobre melhor utilização do Cantos de Leitura, bem como acesso a uma plataforma online e gratuita da Rede Educare com cursos certificados de técnicas para alfabetização e contação de histórias.

“O hábito da leitura auxilia a criança a desenvolver sentimentos e emoções de maneira significativa. Proporciona melhora no desenvolvimento emocional, social e cognitivo, sendo fundamental para a interação e a aquisição de conhecimentos. O nosso Cantos de Leitura veio nos ajudar a inserir nossos jovens neste universo imaginário, despertando de forma lúdica a curiosidade e o interesse pelo meio em que vivem”, ressalta a Superintendente de Educação Noronha, Rubia Uchôa Cavalcanti.

No mesmo dia, a escola EREFEM Arquipélago Fernando de Noronha reinaugurou o Laboratório de Ciências que foi fundado nos anos 80 e teve seu acesso restrito em 2018. No início do ano, a Rede Educare e a Ball fizeram uma visita técnica e criaram o projeto de reforma e readequação de ferramentas do laboratório, em parceria com os educadores, que agora passa a chamar Ciência Lab e busca promover o acesso à ciência e tecnologias, despertar o interesse para as ciências humanas, gerando assim novas maneiras de transformar o mundo e sendo uma referência em laboratório escolar de ciência no Estado de Pernambuco.

Na reforma foi implementada uma ambientação lúdica e interativa com equipamentos que estimulam a pesquisa, inovação e formação de crianças e jovens em STEM (junção dos termos em inglês para Ciências, Tecnologia, Engenharia e Matemática). Dessa forma, os alunos podem aprender sobre teorias relacionadas ao campo da física, biologia e química e testá-las com as ferramentas necessárias. A reinauguração do Ciência Lab é um patrocínio Ball e realização da Rede Educare, em colaboração com educadores e diretoria da EREFEM Arquipélago Fernando de Noronha e com apoio da Secretaria de Educação e Administração de Fernando de Noronha e patrocínio da Ball.

A Escola Arquipélago também recebeu uma quadra de futebol society e a revitalização do parquinho. Fernando de Noronha foi escolhida pela Ball para a implementação destes projetos e diferentes ações socioeducativas, em função das iniciativas locais voltadas para a construção de um ambiente mais sustentável, como a implantação do decreto Plástico Zero e o estabelecimento da meta de carbono neutro.

"A Ball tem o compromisso de formar cidadãos mais conscientes e responsáveis do ponto de vista dos impactos ambientais e sociais. Para cumprir essa missão, a educação torna-se um dos pilares mais fundamentais. Essa parceria com a comunidade educadora de Noronha vai ser uma janela para o mundo, já que esses jovens poderão se tornar multiplicadores de conhecimento para moradores e turistas.", afirma Thaís Moraes, Diretora de Comunicação e Relacionamento com a Comunidade da Ball América do Sul.

Para Kátia Rocha, diretora da Rede Educare, “implementar um espaço de leitura e agora um voltado para ciências abre um mundo de possibilidades, onde alunos, junto aos educadores, poderão ter a pesquisa científica como ação cotidiana e de base reconstrutora para questionar e solucionar fenômenos futuros”.

Além da reinauguração do laboratório, será realizada, em 2022, uma roda de conversa para troca de vivências na área de ciências humanas com o Instituto Alpha Lumen, entidade sem fins lucrativos, que busca soluções de impacto social por meio da educação e tecnologia.

Desde 2019, a Ball tem atuado na Ilha em parceria com a Administração Distrital em frentes de Responsabilidade Social, impactando mais de 600 crianças e jovens por meio de projetos, como o Cantos de Leitura, a reforma do Ciência Lab, a entrega do novo Parquinho Infantil Mabuya, na Creche Bem-Me-Quer, e a capacitação de jovens ilhéus no projeto Através da Lente.

Outras Notícias

  • Fernando de Noronha 2013© - Todos os Direitos Reservados