Fernando de Noronha

Acontece em Noronha

19/08/2020 - Fernando de Noronha retoma as instalações da iluminação em LED na BR 363

O que já era belo durante o dia, vai ficar ainda mais charmoso à noite com as instalações da iluminação com tecnologia LED em toda a extensão da BR-363 Miguel Arraes de Alencar, na ilha de Fernando de Noronha. O projeto, que era um anseio antigo da população noronhense, teve os trabalhos retomados esta semana pela empresa contratada através de licitação pela Administração do arquipélago.

A intervenção urbanística, além do aspecto visual, da beleza, também é uma forma de diminuir os impactos ambientais que as luzes atuais provocam. "É um projeto que agrega muitas questões que ultrapassam o componente puramente estético. Quando falamos em segurança no trânsito, a iluminação tem papel de destaque. E também a tranquilidade do pedestre em caminhar por uma via bem iluminada, longe de qualquer risco que a falta de iluminação pode propiciar. Além disso, ainda existe o fator ambiental, sobre o qual sempre nos preocupamos, já que a iluminação em LED é mais econômica. Essa obra, portanto, é um ganho para Noronha, que está cada vez mais na vanguarda das questões sustentáveis no Brasil", diz Guilherme Rocha, Administrador da Ilha.

Dividida em doze trechos, a obra consiste na troca de todas as luminárias de vapor metálico e a inclusão de mais 49 pontos para reforçar a iluminação da rodovia, em seus sete quilômetros e meio, do Porto de Santo Antônio até a praia do Sueste. Serão instalados também 291 postes ornamentais pequenos (de 4 metros de altura) a cada vinte metros, para iluminar o passeio público que fica às margens da rodovia.

Após a licitação realizada em 2019, vencida pela empresa Universo Empreendimentos Eireli no valor de R$ 1.855.113,21, a expectativa era de que a conclusão acontecesse no mês de julho. Mas, devido ao fechamento da ilha por conta da pandemia, a obra foi paralisada. Agora, a previsão de término é outubro.

A nova iluminação na BR-363 dará mais conforto e segurança aos noronhenses e aos milhares de turistas que visitam o destino todos os anos, diminuindo os acidentes na estrada, sem que seja prejudicado o delicado e complexo ecossistema do arquipélago, como explica Arthur Gusmão, diretor de Infraestrutura da administração.

“A obra é muito interessante porque vai reduzir o consumo e os custos de energia gerada por biodiesel na Usina Tubarão. Ela torna a iluminação mais eficiente, pois tem o melhor quociente de iluminação. E ainda existe a possibilidade de ser feita a telegestão, com inteligência artificial, possibilitando controlar a incidência de luz na via, para não prejudicar a fauna local, mas também preenchendo os pontos que necessitam de mais claridade. A tecnologia LED trará ainda uma economia na manutenção. Quanto mais eficiente a iluminação, menos ela é acionada e, consequentemente, a durabilidade é maior”, explica Artur.

Texto: Ney Anderson

Outras Notícias

  • Fernando de Noronha 2013© - Todos os Direitos Reservados